Ale Koga

Ale Koga

Escreve sobre sua vida, seu Universo e tudo que contém nele. Vive na ponte-aérea Criciúma/SC - São Paulo/SP.

Categorias:

Sim!

A vida toda desde criança até então e sabe-se lá porque eu não conseguia dizer “não” pra nada e nem pra ninguém. E pra conseguir era mais dolorido do que o merthiolate que a mãe passava no machucado depois de uma queda boba.

Faz um tempinho-ão que eu comecei a prestar mais atenção em mim e percebi o quanto de mim não tava em mim.
Uma coisa puxa a outra e também me dei conta que muitos dos meus quilos a mais estão acompanhados desses “nãos” que eu engoli e deixei de falar e principalmente pra comida, essa maledeta que eu gosto tanto.

E é com um grande adendo feliz que anuncio que agora tenho falado bem mais “nãos” e tenho sido mais sincera possível comigo mesma. Claro, há exceções senão ganho disparada o título de  chata do milênio. 😛
Por exemplo: bem no dia que eu não quero fazer nada e nem ver ninguém aquela minha grande amiga de anos e que não vejo vê a tempos quer muito tomar um café comigo.
Vale a pena repensar e dar uma chance. Muitas das vezes que eu não quis fazer algo e mudei de ideia foram as vezes que mais tive certeza que me arrependeria se não tivesse feito.

Mudar radicalmente tem seus prós e contras e um dos prós  que ganhei foi a leveza.
Os quilos a mais continuam lá, mas a diferença é que  cada vez que sou  sincera e consigo falar sim pra mim  e para as minhas vontades aquele peso que acompanhavam os “nãos” vai embora.
O contra é que eu passei a pertencer a dois grupos dependendo de como amigos/famíla reagem a mudança: “a legal com personalidade” ou “a chata, antisocial que não aceita nada”. Normal, afinal demora um tempo pras pessoas entenderem que agora eu tenho personalidade e sei o que quero e principalmente: o que não quero. 😉

E termino o post/desabafo com uma imagem que vi no Instagram do  @otigo, esse lindo!

 

 

Posts recomendados:

Gostou do que leu? Deixe seu comentário =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.